“Digno do povo”, diz Lincoln Tejota sobre hospital municipal inaugurado em São Luiz do Norte

Emenda parlamentar de R$ 500 mil, destinado pelo então deputado estadual Lincoln Tejota, foi o primeiro recurso destinado para a reconstrução da unidade de saúde

O vice-governador Lincoln Tejota acompanhou a inauguração do hospital municipal de São Luiz do Norte, na tarde desta terça-feira (29/09), ao lado do governador Ronaldo Caiado. Foram investidos R$ 2,8 milhões nas obras para a sua reabertura da unidade de saúde. 

Durante seu discurso no evento, o prefeito Jacob exaltou a participação do vice-governador Lincoln Tejota, que enquanto era deputado estadual, destinou R$ 500 de emenda parlamentar para a reforma deste hospital. Foi a primeira destinação de recurso que a obra recebeu. 

“Naquela época, a ideia era gastar R$ 1,1 milhão e quando recebi o primeiro recurso que o deputado Lincoln mandou, fiquei entusiasmado, investi mais verba da prefeitura e a vontade ferveu no coração. Nós fomos mudando o projeto e graças a Deus renasce aqui um hospital que vai fazer a diferença na vida das pessoas da cidade”, comemorou o prefeito Jacob. 

Com investimento total de R$ 2,8 milhões para a sua reabertura, R$ 1,2 milhão foi procedente de emendas parlamentares. “Quando o prefeito Jacob me procurou e compartilhou que tinha o sonho de dar ao povo de São Luiz do Norte uma saúde de qualidade que esse povo merece, de cara eu topei esse desafio. Só que eu não imaginava que o prefeito sonhava tão grande”, disse Tejota durante seu discurso ao exaltar a estrutura do novo hospital. 

Há 26 anos o hospital municipal foi fechado e, desde então, uma Unidade Básica de Saúde (UBS) atendia os pacientes com estrutura limitada. Em 2017, o local foi fechado para reforma, ampliação e agora conta com 19 leitos de enfermagem e 2 centros cirúrgicos.

“É um hospital bonito e digno do povo”. Lincoln destacou ainda que o Governo de Goiás trabalha com resposta definitiva para os problemas históricos da região. “Isso é respeito e levar a sério o recurso de quem paga impostos.”
O Hospital Municipal já começa funcionar com uma equipe de oito médicos e atendimentos nas especialidades de cardiologia, pediatria, ortopedia, ginecologia e cirurgia e clínica geral. Além de laboratório de análises clínicas, radiologia, posto de enfermagem, sala de ultrassonografia, urgência e emergência, refeitório, sala de esterilizações, de triagem médica e parto e pós-parto.

A unidade dispõe ainda de estrutura para Unidade de Terapia Intensiva (UTI), centro cirúrgico, sala de pós-operatório, oxigênio canalizado, raio-X digital, além de outras dependências e serviços médicos.